A escolha perfeita: Bebidas x Evento


Reprodução: Google

Ao organizar um evento, é importante pensar em cada detalhe para que seus convidados se sintam bem e confortáveis durante toda a sua execução. Dentre tantas coisas, uma atenção especial deve ser dada a bebida, já que ela além de ser um item muito importante de qualquer evento, não é tão fácil calculá-la de maneira que não se gaste muito, não falte e não haja desperdício.

Além disso, o número de convidados é um ponto que estabelece a quantidade que precisa ser encomendada de cada produto. Dos diversos tipos de evento, os corporativos são os que mais previamente têm estipulado quantos são os participantes, o que contribui para mensurar tudo que será necessário.

– Analise o tipo de evento

Antes de tudo, você deve analisar o perfil do evento, para assim definir melhor quais são as bebidas que deverão ser servidas. Se o evento ocorrer em um estilo mais formal, você terá que servir bebidas um pouco mais sofisticadas de acordo com os seus convidados.

Porém, se o evento for em uma ocasião casual você pode servir bebidas e drinks mais simples sem nenhum problema.

– Analise o público

Como escolher uma bebida se eu não sei ao certo quem são os meus convidados? Fica tudo muito difícil. Não tem como escolher vodka e vinho para um aniversário infantil, pois esta não uma bebida adequada para esse público, que na maioria são crianças.

Por conta disso você deve fazer uma análise criteriosa sobre quem realmente é o público do seu evento e quais são as bebidas mais indicadas para eles.

– Bebidas que combinam com o cardápio

Além de todas as dicas, é necessário ao escolher a bebida correta, que haja uma harmonia das bebidas com a comida que será servida no evento. Se o seu evento terá refeições completas, talvez seja muito interessante e ideal que você sirva um vinho para harmonizar.

Os licores também são ótimos para acompanhar refeições completas e eles podem ser servidos para criar uma harmonia entre a refeição e a sobremesa. Se o seu evento contará com comidas leves e petiscos, você pode servir cervejas ou bebidas mais suaves.

Se você servir refeições completas e petiscos, para economizar nas bebidas, você pode fazer a escolha de drinks para servir. Os drinks são bebidas versáteis que combinam com refeições completas e petiscos. Além disso, se o seu evento for um pouco agitado, uma dica é incluir o uso de energéticos.

- Considere a época do ano

Caso você vá fazer o evento em um período mais frio (outono-inverno), é uma boa ideia escolher bebidas quentes, como conhaque, vinhos, whisky, vodka, entre outros. Isso porque bebidas destiladas costumam esquentar mais facilmente os convidados.

Caso a reunião seja em um período mais quente, bebidas mais refrescantes, como cerveja e drinks gelados, são as melhores opções, já que seus convidados tendem a sentir mais calor e a buscar bebidas que saciem mais rapidamente a sede.

- Como calcular a quantidade ideal?

É claro que existe um cálculo geral para saber a quantidade de bebida do seu evento. Mas lembre -se, ele varia de caso para caso, ok?

Por exemplo, se for uma reunião, um casamento ou um evento com mais de um tipo de bebida. Mas vamos lá, passaremos nossos cálculos, as dicas e as variações que podem ocorrer.

O que normalmente fazemos é um cálculo geral para um evento de 4h de duração.

Sempre considerando se haverá comida, se as pessoas são mais velhas ou jovens, se está calor ou frio, e o tipo de evento, ou seja, um coquetel, reunião entre amigos ou um jantar. Todos essas informações podem variar para mais ou para menos, de acordo com as quantidades.

Quando é servido apenas belisquetes ou um coquetel mais simples as pessoas tendem a beber menos do que em um jantar ou uma reunião. Por quê? Além de coquetel ser uma proposta mais rápida e simples, o equilíbrio é menor envolvendo comida e bebida. Já em jantares, ou eventos com uma proposta mais extensa no cardápio, os convidados tendem a ficar mais à vontade e tecnicamente mais resistentes para a bebida.

Cálculo para quantidades:

* 600 ml de refrigerante para cada convidado;

* 600 ml de suco (sabores variados) para cada convidado;

* 800 ml / 1L de cerveja para cada convidado; (considerar se as pessoas bebem bem ou terá outra bebida);

* 200 ml de água para cada convidado;

* Se não houver cerveja, vinho meia garrafa para cada convidado;

* Se houver cerveja, vinho uma garrafa para cada grupo de 5 convidados;

* Se não houver cerveja uma garrafa de vodka para cada grupo de 3 convidados;

* Se houver cerveja uma garrafa de vodka para cada grupo de 4 convidados;

* Espumante uma garrafa a cada três pessoas, se for só para brinde 1 a cada 8 (geralmente quem bebe espumante não bebe outras bebida);

* 1 garrafa de whisky para cada grupo de 10 convidados.

E claro, vale lembrar que um bom entendimento dos seus convidados é super importante, se bebem bastante, se preferem um tipo de bebida ou outro, isso ajuda no arredondamento do cálculo.

Para drinks e bebidas especiais:

* 4 litros de ponche a cada 20 pessoas (dependendo do calor e se estiver mais leve ou forte, com sabor de alcoólico);

* 2 shots de 45ml por pessoa;

- Sobre a qualidade da bebida:

Um outro ponto importante é a marca e qualidade das bebidas que você utilizará no seu evento, além de tocar diretamente no preço elas também vão afetar a percepção de qualidade que seu convidado terá. Por isso deve ser feito um balanço em relação a qualidade/preço dos tipos de bebida, mas usar bebidas de baixa qualidade por mais que diminua seu custo nunca é recomendável.

Na hora de fazer essa escolha comece pensando qual bebida é a preferida dos seus convidados e invista um pouco mais nela, procure uma marca um pouco melhor ou mais conhecida, a percepção de marca também faz diferença. Entre os tipos de bebida devemos pensar que um espumante de baixa qualidade além de ser perceptível pode não deixar uma boa impressão no dia seguinte (mais fácil dar dor de cabeça), mas também não é necessário comprar o mais caro, a não ser que seu público seja exigente, mas existem espumantes com preço justo e boa qualidade tanto importados quanto nacionais.

As cervejas geralmente não é preciso ser artesanal nem muito cara, a não ser que seu evento exija isso, opte por duas opções como Heineken e Stella ou um chopp Brahma por exemplo, são unânimes. Para os vinhos escolha rótulos que sejam familiares ao seu público e mantenha um preço médio, não é necessário servir tinto e branco, sendo o primeiro unânime e o segundo perfeito para dias quentes e eventos diurnos, a escolha do cardápio sempre ajuda na harmonização. Em relação a vodka e o Gin não tem mistério fique entre Smirnoff e Absolut e Gordon’s e Tanqueray, uma bebida inferior prejudicará o evento, e superior só se a ocasião pedir.

- Como servir adequadamente as bebidas?

Cada tipo de evento requer uma forma de dispor as bebidas. A maneira como os produtos são ofertados pode indicar um teor mais ou menos formal para a ocasião.

Em seminários ou workshops, quando existem pequenas pausas para lanches, é muito comum a escolha do buffet americano. Nesse caso, os convidados vão até uma mesa na qual são postos os petiscos que podem ser consumidos com as mãos (como canapés e pequenos salgados). As bebidas, por sua vez, ficam dispostas em jarros ou suqueiras para que os próprios participantes possam se servir.

Seguem as dicas, podendo variar de acordo com o cerimonial e perfil da festa:

  • água: disposta em jarros, podendo ser deixada na mesa ou ofertado por garçons;

  • sucos e refrigerantes: também em jarras ou em copos já completos sendo servidos por garçons durante o evento;

  • energéticos: servidos no bar;

  • cervejas: servidas no bar ou diretamente nas mesas, entregues pelo garçom (em alguns casos, são deixadas as garrafas nas mesas dos convidados);

  • vinhos: deixadas as garrafas com os convidados na mesa (em caso de jantar) ou servidos pelos garçons;

  • espumante e champanhe: servido pelos garçons ou deixadas as garrafas nas mesas dos convidados;

  • destilados: servidos no bar (sendo comum que, apenas a garrafa de whisky seja deixada na mesa dos convidados);

  • licores: mesas de café da manhã ou entregues pelos garçons no momento da sobremesa;

  • drinks: servidos no bar.

De modo geral, o teor de formalidade de um evento está ligado à estruturação do serviço de alimentos e bebidas. É considerado um evento mais formal se os convidados são servidos à mesa, com pratos mais elaborados e diversos tipos de bebidas, por exemplo. Enquanto um evento mais informal conta com a disposição dos produtos em uma mesa, em que o próprio convidado se serve.

Após todos os passos e dicas a serem seguidas não esqueça de escolher um fornecedor de confiança e com preço justo e lembre-se que as vezes bebida consignada pode ser uma boa opção.

Gostou das dicas? Foram suficientes para nortear suas escolhas de bebidas para eventos dos diferentes tipos? Então, acompanhe a gente nas redes sociais, e conheça nosso conteúdo!

#producaodeveventosrj #produtoraboutique #produçãorj #Catering #drinks #bebidas

100 visualizações0 comentário