A era digital, a maior alternativa para combater ao coronavírus atualmente


Imagem Reprodução: DesignInspiration

O cenário atual em meio à pandemia que estamos vivendo deu um papel ainda mais importante para o marketing digital, envolve uma interação total entre pessoas e organizações, onde o conhecimento se torna o elemento principal para a geração de informação e riqueza. Além é claro, da sobrevivência. Ou seja, não importa se é produtor ou consumidor, ambos estão inerentes a esse meio digital, o qual é responsável por criar novos modelos de negócio e transformar intenções em experiências, e nos ajudar a superar esse momento de crise.

No entanto, toda crise é também uma oportunidade. O período de crise é o momento das empresas mostrarem o lado humano, sem oportunismo, já que esse comportamento tem efeito negativo para qualquer empresa. O diferencial no momento é ter um olho no brand e outro em métricas. É o momento de pensar como pode dar sua contribuição e ao mesmo tempo mostrar para todos que a sua empresa está engajada nessa luta e ajudará como for preciso. De acordo com os especialistas em Marketing Digital, não há empresa que sairá ilesa da crise. O que precisamos considerar é que temos duas opções: ou chorar ou agir, a escolha é de cada empreendedor, e as empresas que estiverem com o pé na frente da necessidade irão se destacar.

Um dos fatores que mais marca uma época de crise e com a economia baixa é a redução da concorrência. O desenvolvimento constante de ferramentas digitais é uma realidade que não se pode negar, uma vez que elas estão sendo responsáveis pela mudança de comportamento de consumidores e empresas que estão a promover uma nova conformação competitiva do mercado. A evolução tecnológica pode ser vista hoje como uma das principais transformadoras na gestão nos negócios, principalmente nas operações de marketing. E isso porque o cenário atual denota alterações bruscas nas jornadas de consumo, bem como uma quebra de paradigma, frente às disrupções digitais cada vez mais crescentes.

Muitas organizações já compreenderam que, para sobreviver, precisam rever suas estratégias, desde os processos de produção até às respectivas finanças. Os clientes buscam cada vez mais produtores de eventos capazes de dar conta do serviço com praticidade e rapidez e, essas também são vantagens de utilizar a tecnologia como aliada.

As inovações no mercado de eventos permitem otimizar o processo de organização, além de automatizar algumas etapas. Graças às redes sociais, as empresas têm a possibilidade de estreitar a relação com seu público e estimular o engajamento mesmo após o término do seu evento. Essa interação pode ser manter por meio da divulgação das suas produções, por meio de comentários ou até mesmo de hashtags, que ainda são úteis para ações em eventos e para ampliar a divulgação dos eventos de forma orgânica.

Como consequência desse processo, é possível observar de perto quem são seus consumidores principais e quais os seus desejos, o que é importante para criar uma comunicação direcionada de forma eficiente. A inovação em eventos também diz respeito ao pós-evento. Por meio das mídias sociais e aplicativos, você pode coletar feedbacks sobre o evento no momento de pós-produção, o que ajuda a conhecer o nível de satisfação dos participantes e a identificar pontos negativos que não devem ser repetidos em futuras ocasiões.

Um universo infinito de descobertas e possibilidades pode ser vislumbrado pela transformação digital. Tal afirmação se dá em razão de um panorama que pode ser pensado a partir da ausência de limites para a inovação que estamos vivendo. É basicamente uma era da inteligência em rede que, sem dúvida, está transformando muitos aspectos da sociedade e, consequentemente, configurando uma nova economia ligada a recursos digitais, capazes de simplificar a forma de fazer negócio, mas resultando em processos bem mais completos.

Gerar conteúdo relevante nas redes, se posicionar, estar atualizado sobre as tendências e mudanças nos mundos, acompanhar a tecnologia e distribuir informação de forma simples e direta têm sido nossas metas diárias, e com isso fazemos nossa pequena contribuição para pessoas e empresas de todo o mundo. Ou pelo menos gostaríamos.

Sem dúvida, ao pensar nesse conceito, logo nos vem à mente a palavra “pessoas” que, levando em conta esta era digital, já faz uma relação direta com as “redes sociais” que são o melhor CRM dos últimos tempos, por conta da atualização colaborativa e a auto segmentação.

O investimento em Relacionamento dentro do marketing, infere a capacidade em fazer com que uma empresa consiga lidar com diversos dados acerca de pessoas e hábitos. Além disso, vale destacar que na internet, por exemplo, há diversas ferramentas que proporcionam esse estímulo à conversa entre organização e consumidor, basta haver vontade por parte dos gestores.

Em meio á tudo isso, acompanhamos que cada empresa busca o seu lugar no mercado, e sua forma única de se solidarizar e vencer essa “crise”. Como um dos mercados mais impactados, sabemos também que será difícil recuperar, e precisamos nos ajudar, cada um à sua maneira. No digital, não tem cenografia, operador de som e luz, carregador de materiais, não tem sujeira nem limpeza, nem segurança e muito menos produtor. E a partir disso, pensando nessas pessoas, foram criados 3 perfis de iniciativa semelhante: ajudar quem está mais prejudicado nesse momento.

Deixaremos aqui abaixo os perfis e suas especificações, caso você queira ajudar, as instruções seguem em cada perfil. Precisamos nos unir e passarmos juntos por isso! Fiquem em casa!

1. @ajude1freela

Sobre o perfil:

Criado por um grupo voluntário de produtores e parceiros, a intenção é “usar a criatividade, a disposição e a solidariedade que colocamos em cada evento de sucesso realizado no Brasil para botar de pé este acontecimento, que poderíamos encarar com um show, um congresso, uma convenção de humanidade. E garantir que tantas pessoas que foram vitais para que eventos cumprissem sua meta, indo quase sempre muito além do esperado, recebam agora um apoio básico.

A ideia não é repassar dinheiro, mas, pagar boletos, comprar cesta básica, garantir serviços essenciais e levar ajuda informativa ou psicológica. Vamos segurar firme a mão dos colegas freelancers, dos que estão desempregados pela crise, no meio desta turbulência”.

Link do perfil: https://instagram.com/ajude1freela?igshid=1hc1z6g1k665w

2. @backstageinvisivel

Sobre o perfil:

A campanha *Backstage Invisível” é uma iniciativa do Epah Studios com apoio operacional do grupo “Ajuda a graxa - SP” e da mídia da Casa do Roadie, e visa distribuir centenas de cestas básicas, exclusivamente para profissionais da graxa.

Link do perfil: https://instagram.com/backstageinvisivel?igshid=iflomt7cbwn8

Site: https://linktr.ee/backstageinvisivel

3. @acaodosprodutores202

Sobre o perfil:

O objetivo da Ação Entre Amigos 2020 é ajudar os produtores de eventos, independentemente da área em que atuem. E acima de tudo, através do próprio trabalho. Além disso, as doações dão direito a participarem de um sorteio no dia 09 de julho, porém o mais importante é que cada doação captada por vocês (cadastrados) terá 75% da renda revertida para vocês mesmos.

Link do perfil no Instagram: https://instagram.com/acaodosprodutores202?igshid=xcy4eyl33hgk

Link do perfil no Facebook: https://www.facebook.com/acaoentreamigos2020/


11 visualizações0 comentário